5 atitudes para evitar o envelhecimento precoce da pele

5 atitudes que previnem o envelhecimento precoce da pele

O fato é, todos nós estamos envelhecendo diariamente. Com isso, o envelhecimento da pele também é inevitável.

A partir dos 25 anos, a pele começa a diminuir a produção de certas proteínas essenciais para a elasticidade e firmeza da pele, como o colágeno.

Com os anos, a pele perde também sua capacidade de reter a hidratação, além de se regenerar com mais dificuldade.

Começamos a diminuir a massa muscular, óssea e também a gordura facial. Isso faz com que a pele perca sua sustentação.

Apesar desses efeitos negativos, envelhecer é um privilégio! Significa estar vivo há bastante tempo.

Nesse post, vamos conhecer os processos que levam ao envelhecimento e algumas ações que podem prevenir e reduzir os danos do tempo na nossa pele.

Envelhecimento intrínseco x extrínseco

Existem dois tipos de envelhecimento, o envelhecimento intrínseco e o extrínseco.

Um deles pode ser combatido com hábitos saudáveis e outros cuidados. Já o outro, faz parte do processo natural e por isso, é inevitável.

No envelhecimento Intrínseco, vemos o desgaste das células, o que é natural e todos nós teremos. Como se dará esse processo, depende de nossa genética. Esse processo levará inevitavelmente a rugas, pele seca, flacidez e linhas.

Já o envelhecimento extrínseco, é um processo de envelhecimento relacionado ao nossos hábitos durante a vida. Ou seja, depende de como tratamos o nosso corpo e a nossa pele.

A boa notícia, é que esse tipo de envelhecimento, podemos evitar tomado alguns cuidados.

5 atitudes que previnem o envelhecimento

Adicione esses 5 hábitos na sua vida, e diminua os efeitos do envelhecimento na sua pele.

1. Alimente-se bem e pratique atividade física

Alimente-se bem e pratique atividade física

Ok, você já está cansado de ouvir isso do seu médico. Mas é impossível fugir desse assunto.

O corpo é uma máquina que precisa estar bem nutrida e em movimento.

Não existe pele bonita e saudável sem bons hábitos de vida, pelo menos não à partir de certa idade!

Uma alimentação rica em nutrientes e equilibrada, é capaz de neutralizar os radicais livres e assim, auxiliar na renovação das células. Isso pode impactar diretamente na aparência e saúde da nossa pele.

Afinal, quem nunca notou a pele mais oleosa, ou sem viço após uma maratona de refeições pobres em nutriente?

O site Tua Saúde, lista 10 alimentos que devemos adicionar na nossa alimentação para nos prevenir do envelhecimento precoce.

Mas, os exercícios também tem um papel importante na prevenção do envelhecimento da pele.

Quando nos exercitamos, estimulamos a circulação sanguínea. Conforme o sangue circula, leva nutrientes para todo o corpo, inclusive para as células da pele.

Durante a atividade física, o corpo produz enzimas que também estimulam a ação dos antioxidantes.

Além disso, quando o corpo está em movimento, nosso sistema imunológico é estimulado, ajudando a evitar doenças.

2. Proteja-se do sol

Proteja-se do sol

Certo estudo realizado pela L’Oreal Research and Innovation Center, concluiu que os raios UV, produzidos pelo sol, são responsáveis por cerca de 80% dos sinais do envelhecimento precoce!

Isso acontece porque, a radiação UV, além de causar queimaduras, acelera o estrese oxidativo da pele.

Dessa forma, os radicais livres se formam dentro das células e podem degradar as fibras de colágeno, que dão firmeza à pele.

O resultado disso, é uma pele mais fina, com rugas e flacidez.

Além disso, a exposição solar pode levara a uma pele manchada. O que aumenta a aparência envelhecida da pele.

A radiação solar, pode também causar uma alteração no DNA das células. causando mutações que podem levar ao câncer de pele.

Por isso, use protetor solar diariamente!

Proteja-se com roupas e chapéus, quando precisar se expor diretamente ao sol.

E se quiser reforçar a proteção solar, utilize ativos antioxidantes antes da aplicação do protetor solar. Esses ativos, podem aumentar o poder de proteção do fotoprotetor.

3.Tenha bons hábitos de cuidados com a pele

Tenha bons hábitos de cuidados com a pele

Além do uso diário de protetor solar, para manter a pele jovem por mais tempo, é preciso ter alguns outros cuidados com a pele.

Isso não significa, que você precisa usar mil produtos por dia e ter vários rituais de beleza.

O básico bem feito, no que se refere a cuidados com a pele, funciona muito!

Limpar bem a pele todos os dias e hidratá-la, já lhe garantirá uma pele íntegra e saudável!

Limpe sua pele todos os dias pela manhã e principalmente à noite.

Pela manhã, se sua pele for seca ou sensível, poderá optar por limpar a pele com um sabonete mais gentil ou até água micelar. Mas se sua pele for oleosa ou mista, pode ser necessário um sabonete facial próprio para o seu tipo de pele.

À noite, a limpeza precisa ser mais caprichada. Se você usa maquiagem, poderá remover usando um Cleansig Oil ou demaquilante de sua preferência. Depois disso, use um sabonete próprio para o seu tipo de pele. Caso sinta necessidade, utilize um tônico facial para completa e garantir a limpeza.

No que se refere à hidratação, hoje no mercado existem muitos produtos multifuncionais que além de hidratar, são antioxidantes. Essa opção seria ideal para utilizar durante a manhã, antes do protetor solar. Já como hidratante noturno, opte por produtos mais emolientes e que hidratem profundamente a pele.

4.Reduza o estresse

Reduza o estresse

Para muitos, essa missão é quase impossível. Vivemos muitas vezes sob constante pressão. E a própria rotina corrida dos nossos tempos, nos faz viver estressados.

Mas é importante, aprender a controlar e ter algumas estratégias para equilibrar o estresse em nossa vida, se quisermos que a nossa pele envelheça mais lentamente.

O estresse, afeta nossa pele de pelo menos quatro maneiras.

Primeiramente, quando nos estressamos, as glândulas suprarenais, aumentam a produção de cortisol. Esse hormônio, causa uma inflamação no nosso corpo e reduz a produção de colágeno e elastina na nossa pele, facilitando o aparecimento de rugas e flacidez.

Durante uma situação de estresse, nosso corpo também produz um excesso de radicais livres, que “atacam” as células saudáveis do nosso corpo e da nossa pele.

Além disso, em situações estressantes, costumamos franzir nossa testa e contrair outros músculos faciais com mais frequência. Com o tempo, isso pode causar marcas permanentes na nossa pele, as chamadas rugas dinâmicas, que são causadas pelo excesso de contração muscular.

Quando estamos estressados, nosso corpo prioriza a entrega de nutrientes para os órgãos vitais, como pulmões, cérebro e coração. Isso faz com que a oxigenação da nossa pele fique em segundo plano, e diminua sua capacidade de renovação.

5. Não fume e evite o excesso de álcool

Não fume e evite o excesso de álcool

Obviamente, fumar e consumir muita bebida alcóolica, são hábitos nada saudáveis!

Na nossa pele, o fumo causa a perda da elasticidade, graças ao calor da chama e principalmente, pela redução do fluxo sanguíneo que causa na pele. Essa redução, provoca uma diminuição do oxigênio e dos nutrientes que são essenciais para a saúde e beleza da pele.

Dessa forma, a pele fica sem viço e com uma grande propensão a rugas e manchas.

Pessoas fumantes, geralmente apresentam uma coloração amarelada na pele e rugas acentuadas ao redor dos lábios.

Já o excesso de bebidas alcoólicas, causa uma grande desidratação na nossa pele. Já que, para digerir o álcool, nosso corpo necessita de muita água. Dessa forma, o corpo reduz a reserva de água na nossa pele e “envia” para onde tem mais necessidade. Isso causa uma pele ressecada, sem viço e com descamação.

O álcool é também, vasodilatador. Ou seja, os vasos da nossa pele fica dilatados e podem causar a piora da sensibilidade da pele e da oleosidade.

O excesso de álcool, causa também uma grande produção de radicais livres, que como já vimos, danificam estruturas celulares e envelhecem a pele.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira Também