O que é e para que serve o Ácido Glicólico?

O que é e para que serve o Ácido Glicólico?

O Ácido Glicólico, muito provavelmente é um dos ativos mais queridinhos da dermatologia.

Esse ácido, faz parte da família dos alfa-hidroxiácidos (AHA), que são um grupo de hidroxiácidos derivados de plantas e animais. Além do Ácido Glicólico, fazem parte desse grupo o Ácido Lático, Ácido Málico, Ácido Tartárico e Ácido  Mandélico.

As principais características dos AHA’s são:

  • Sua capacidade  de promover um esfoliação superficial na pele. Por conta dessa ação, todos eles vão ter algum efeito uniformizando a pele, melhorando a aparência de linhas finas e melhorando a luminosidade da pele como um todo.
  • São solúveis em água e umectantes, ou seja, podem auxiliar na hidratação da pele.
  • Todos os AHA’s podem sensibilizar e irritar a pele dependendo do seu peso molecular, principalmente quando em contato com a radiação solar. Quanto maior o peso molecular do ácido, menos ele penetrará na pele e menos irritações causará.

Apesar de possuírem características parecidas, cada AHA tem suas peculiaridades, diferenciais e indicações.

O Ácido Glicólico

O Ácido Glicólico pode ser obtido de frutas e da cana de açúcar. Sua molécula é pequena, por isso como vimos anteriormente, ele pode causar irritações nas peles mais sensíveis.

Mas muito disso vai depender, da concentração desse ativo no produto ( quanto maior a concentração, maior a chance de irritações) e também de qual é a base desse cosmético. Em minha experiência, produtos com esse ácido, que possuem uma base cremosa, ou seja, com mais óleo e mais ativos hidratantes, tendem a sensibilizar bem menos a pele. Isso porque o creme protege a pele formando um filme protetor, que impede que o Ácido Glicólico penetre muito profundamente e irrite a pele.

O Ácido  Glicólico não é um ativo tão consagrado à toa. Seu efeito na pele é realmente fantástico!

Seus efeitos mais comuns na pele são:

  • Pele mais lisa e uniforme.
  • Melhora da aparência dos poros.
  • Melhora das cicatrizes de acne.
  • Controle da oleosidade.
  • Clareamento de manchas, como o melasma.
  • Combate os sinais do envelhecimento e do fotoenvelhecimento (envelhecimento causado pelo sol).

Todos esse efeito se devem à renovação e esfoliação da pele, que o Ácido  Glicólico promove.

De todos os efeitos citados acima, na minha pele o que mais sinto, é justamente a melhora da aparência dos poros. Por isso, na minha rotina de cuidados, sempre tem espaço para o Ácido  Glicólico.

Durante o uso de todos os AHA’s, é normal que a pele fique mais sensível aos raios solares, por isso,  é extremamente necessário caprichar na proteção solar!

Caso contrário, a pele pode ficar muito reativa, sensibilizada e até manchar.

Uma dica extra, caso você esteja começando agora no mundo dos ácidos é, hidrate sua pele antes de aplicar o produto com AHA e evite aplicar o produto nas regiões mais secas, como área dos olhos, no cantos da boca e nariz.

Garanto que todos esses cuidados valem a pena! Os efeito do Ácido Glicólico são maravilhosos e podem te garantir uma pele mais jovem no futuro!

O site Dermaclub, traz algumas dicas de dermatologistas, de como adicionar esse ativo na rotina de skincare.

Conheça alguns produto com Ácido Glicólico

AHA Ácido Glicólico + Niacinamida Creamy

AHA Ácido Glicólico + Niacinamida Creamy

Loção Clareadora de Ácido Tranexâmico Creamy

Loção Clareadora de Ácido Tranexâmico Creamy

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira Também